vai-e-faz_720x90
Colunista Morib Macedo Sem categoria Últimas Notícias

EU DEFENDO A DILMA. E VIVA O TRABALHO!

vai-e-faz_720x90

Por Morib Macedo 

Nesse início de maio, o mês do TRABALHO e o mês das MÃES, quero me redimir de uma série de críticas a essa valorosa companheira e Mãe TRABALHADORA da política brasileira. Confesso que assim, como grande parte do país, eu não a conhecia e não sabia do potencial de sua política social e econômica. Acompanhando um pronunciamento da nossa então presidente, justo num “1º de maio (em tempos de governo), vou ter que rever meus conceitos.

Acho que fomos injustos com a Sra. Rousseff e em tempo, ela ganha nosso respeito e admiração pela AUTENTICIDADE E CORAGEM.

Ela pode ter cometido falhas administrativas com tudo que é “pedalada”; não ter feito negociatas com o PMDB (para muitos uma falha); um dia ter se metido com a guerrilha em prol da “mudança do Brasil”; não ter seguido os conselhos estratégicos do seu líder maior; não ter contemplado todos os companheiros em seu staff de governo…. No entanto, não se pode questionar a HONESTIDADE da mãe petista. Nesse vídeo/pronunciamento que circula na grande rede (isso a Globo não mostra) a Dilma foi extremamente honesta e sensata na defesa dos princípios TRABALHISTAS.

É verdade, ela se tornou protagonista de ideias que desagradaram frontalmente, sindicatos e organizações viciadas e ultra neuróticas da pseudo esquerda nacional.  Dilma, no vídeo que ainda tentei imaginar ser uma “montagem” das “elites coxinhas” e da “mídia golpista”, defendeu reformas absolutamente necessárias à engrenagem social que gera emprego e renda. Ela empunhou a bandeira da TERCEIRIZAÇÃO, sim. Talvez não exatamente essa do seu “Temível companheiro de chapa nas eleições”, mas defendeu aquilo que é tão combatido por ativistas de carteirinha com ressalva às chamadas atividades FINS.

Nunca na história desse país eu havia ficado tão surpreso. Achei que a Dilma não fosse tão progressista. E ela é. O discurso da presidente deposta, fugiu à estética habitual de sua retórica, pois me pareceu centrado, moderno e seguro do projeto que outrora defendia (não sei se ainda seria conveniente para ela continuar defendendo atualmente). Não sei se estou tendo alucinações, mas recordei-me também que ela e o Lula igualmente, falavam em rombo na previdência e na necessidade urgente de uma REFORMA sob pena do país não poder assegurar mais o futuro de seus servidores.

A partir de hoje que me perdoem os “coxinhas”: Se for pra ter coragem de implementar as REFORMAS de que a nação precisa para sair do atraso, eu quero de novo, o PT na presidência. Com a mesma força usada por ela nos pronunciamentos REPRISADOS nas redes sociais digo: Eu defendo a Dilma!

Comments

comments

vai-e-faz_720x90
▉ Publicidade
▉ Publicidade
▉ Publicidade
▉ Colunista
▉ Tempo
Tempo em Campina Grande
27°
18°
tiempo.com  +info
▉ Facebook
▉ Publicidade
▉ Publicidade
▉ Publicidade